Visitantes

quarta-feira, 16 de junho de 2021

FLORESCÊNCIA

                                                       



Não há muito tempo o amor
me perfumou pelo avesso
não vi o tempo passar
distrai-me, confesso...

floresceu tanto a minha vida
que me vi sem idade
naquela fase do adolescer
em plena maturidade...

dei-me por inteira
sem atinar o perigo
se falso ou verdadeiro
como se amar para mim
fosse a doçura encantada
do amor primeiro!!


Maria Lucia (Centelha)





26 comentários:

  1. El amor hace florecer más allá de tiempos y edades.
    Precioso poema, María Lucía.

    Un abrazo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Veronica seja bem vinda !!
      Gostei da sua presença e comentário.

      Besos !!

      Excluir
  2. Olá, Lucia!
    Mais um belíssimo poema aqui nos presenteias.

    Na ilusão e candura
    Que o amor faz elevar
    O vento traz a ternura
    Para a paixão encontrar.

    Feliz quarta feira, amiga poetisa!

    Beijinhos carinhosos!...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amor , paixão e ternura. Assim quem não quer? Kkkk
      Grata querido poeta pela quadra poética e por teu carinho.

      Beijo poético!!

      Excluir
  3. Bom dia sereno, querida amiga Maria Lúcia!
    Assim é o Amor:
    floresceu tanto a minha vida
    que me vi sem idade...
    Que poema leve, ilustrado por uma foto bela cheia da leveza do Amor inteiro!
    É um encanto passar por aqui e saborear algo tão divinal.
    Tenha um dia abençoado!
    Beijinhos fraternos de paz e bem
    💐🕊️🤗😘

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Encanto é saber que minha querida amiga Roselia deixará o perfume da bondade por aqui.
      Grata minha flor !!!

      Beijo de luz.

      Excluir
  4. Gosto da dicotomia entre a ideia de centelha que a autora passa, e a força do poema
    😊

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E eu gostei da tua observação de águia.
      Por isso levas uns dois ou três beijinhos 😘😘😘
      Obrigada Porventura !!

      Excluir
  5. Amar no último amor como se amou no primeiro é simplesmente sublime. Poema confesso de entrega amorosa muito bonito.
    .
    Cumprimentos poéticos
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O amor quando inteiro e entusiasmado é sempre bom, novo, diferente, meu querido poeta amigo Ricardo.
      E a sua vinda jamais será a última.
      Beijo poético.

      Excluir
  6. Já se disse que, para o amor não há idade, e se “perfuma pelo avesso” é “dar-se por inteiro”, no pressuposto de que o terá retribuído igualmente (por inteiro). Mas já se disse também que amar é sempre como se fosse a primeira vez com a vantagem de levar-se para os amores subsequentes experiências anteriores que apimentam tanto o novo, como se fosse “o primeiro”.
    Beijos como se fosse o primeiro, riso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os sentimentos, em especial o amor, de acordo com o momento, circunstância e pessoa, será sempre diferente. E disseste bem querido poeta Sant Anna, sobre as experiências anteriores. Penso que a subsequente acontecerá com mais segurança e mais fogo.

      Como sempre, a sua presença por aqui sempre será uma alegria pra mim.

      Beijos como se fosse o primeiro.

      Excluir
  7. Nada como o amor primeiro. Muito amoroso o seu poema. Parabéns. Amei!! 🌹
    *
    Pensamento que enaltece ...
    -
    Beijos e um excelente dia! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O amor primeiro é cheinho de encantamento e magia. Por ser o primeiro , ainda quem o sente nao sabe como sustenta-lo à dois.

      Gratidão Cidália pela amizade que cultivo como flor no meu jardim.
      Beijo terno, amiga

      Excluir
  8. dar-se por inteira é generosidade que independe de quaisquer tipos de retornos, alcança mais quem se entrega dessa maneira! um beijo, Maria.

    ResponderExcluir
  9. Ulisses de Carvalho seja bem vindo com a alegria verdadeira!!
    Grata amigo pelas boas palavras.
    Voltarei ao teu espaço.

    Beijo. O primeiro.

    ResponderExcluir
  10. Suas palavras me emocionaram para valer!

    Boa semana!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  11. Jovem Jornalista Emerson Garcia que bom te ver por aqui!!
    Grata querido amigo.

    Obs: te procurei no Instagram. Não te achei. Kkk

    Beijo poético.

    ResponderExcluir
  12. Respostas
    1. Se gostaste, eu me sinto toda feliz, Francisco . Que bom !!!

      Beijinho doce

      Excluir
  13. Cuando amamos la edad no tiene importancia, se es siempre joven paa el amor, y cuando la entrega es absoluta , no tenemos miedo, ni estamos pensando en lo que puede suceder luego.. El amor se trata de vivirlo en el momento que se presenta , sea un instante o toda la vida. Te dejo un beso y felicitaciones por el poema, es muy bello.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eli mendez que prazer vê-la por aqui. Grata pela visita e pelas palavras tão boas e generosas .
      Volte Eli.

      Besos , y felicitaciones!!

      Excluir
  14. Olá Maria,
    Magnífico este poema se amor!
    Não há limite de idade para vivermos o verdadeiro amor.
    Fique bem, beijinho!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Isamar, bom dia !
      O amor é uma maravilha porque além de juvenescer, cura-nos doenças da alma.
      Grata minha querida.
      BEIJOS

      Excluir
  15. O amor não tem idade.
    E rejuvenesce.
    Por isso, o melhor mesmo é abraçá-lo, falso ou verdadeiro, quando ele nos bate à porta.
    Excelente poema, gostei imenso.
    Bom resto de semana, amiga Maria Lúcia.
    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá poeta Jaime Portela , um prazer vê-lo por aqui!!
      Sim , amigo , o amor rejuvenesce e torna a vida mais leve.
      Grata por vir.

      Beijo poético!!

      Excluir

Que bom que veio!!
Sinto-me grata e feliz por isso!
Graças a um poder imortal a poesia se solta da palavra e se desmancha na alma de quem a recebe